Category Noiva

Rabo de cavalo: a moda que não sai de moda

O rabo de cavalo foi usado pela primeira vez por Coco Chanel,  em uma corrida de cavalo em Longchamp, e acabou por afirmar a simplicidade e praticidade com que esta estilista sempre enxergou a moda.

Atualmente, na versão lateral e baixo (tendência nos desfiles de inverno 2012) tem feito cada vez mais sucesso – nas passarelas nacionais e internacionais e na nossa cabeça, reles mortais antenadas … rs  O penteado, na altura da nuca, pode ser preso na lateral sem nenhum adorno (mais indicado para as madrinhas e convidadas) ou também com algum detalhe: uma trança embutida, tiaras, headbands, flores naturais ou de tecido e fascinators (ótima opção para as noivas).

blog da manu - rabo de cavalo 04

Caso você mesma queira fazer em casa, deverá abusar da cera (e esquecer o gel !), tendo em vista um efeito bem certinho, sem nenhum fio “pulando” fora do lugar. Ou, caso tenha os fios um pouco mais grossos, a dica é misturar silicone na cera, a fim de não “pesar” o cabelo.

blog da manu - rabo de cavalo 02

A versatilidade deste penteado permitirá inúmeras variações, conforme o estilo que você decida adotar para o seu look: com os fios bem puxados (foto acima a esquerda), você terá um visual mais clássico. Já desfiado e dependendo do adorno, um visual mais moderno. Para as mulheres de rostos arredondados (como moi … rs) o mais indicado seria tentar “alongar ” a face usando-o juntamente com um topete.

O mais importante é que você terá nas mãos uma opção romântica e atemporal para encantar e se deixar encantar !!

Algumas inspirações para madrinhas e convidadas …

blog da manu - rabo de cavalo 06

E outras para as noivas … espero que vocês se animem com esta tendência !

blog da manu - rabo de cavalo 05

Casamento na praia: convite e dress code

O dress code para um casamento na praia está além de tradições. Claro que alguns cuidados devem ser tomados, mas de forma geral, por ser um evento em clima despojado, levamos em consideração mais a praticidade e conforto das roupas, aliados obviamente a beleza das mesmas !

Principalmente em virtude do ambiente rústico, o casar na praia pede algo mais leve, fluido, sem muitos detalhes; o que não afasta a elegância. Para as mulheres, chiffon, seda, organza e outros tecidos de “famílias” próximas são utilizados em vestidos curtos, mídi ou longos – que já ficam mais glamourosos. Os estampados, como por exemplo os florais são bem aceitos e agregam estilo ao traje. Com relação aos vestidos curtos, vale ressaltar que o bom senso não pode ser dispensado – lembre-se que você estará em um casamento, o que é muito diferente de ir a praia passear e desfilar o bronzeado … Para o penteado, o próprio clima de praia exigirá algo sem muita complexidade e pretensão: cabelos soltos ou presos em um coque desconstruído são algumas das opções.

Como a figura principal ainda é a noiva (sim, alguns convidados podem se deixar levar pelo cenário e esquecer dela … rs), as mesmas observações acima deverão ser avaliadas, obviamente com uma maior liberdade de adornos e detalhes para que se destaque das madrinhas e convidadas presentes na celebração. Evite: excesso de brilho e salto agulha.

manu gonçalez casamento na paria 01

Chapéus, flores no cabelo, e até um véu – que em versão mais curta e com o tecido adequado não irá incomodá-la na cerimônia, nem levantará areia sobre os convidados são escolhas acertadas.

manu gonçalez casamento na paria 02

Convém ressaltar que o cabelo deverá estar de acordo com o vestido: se clássico, boho-chic, ou “modernoso”. Outras opções são as coroas de flores, ou acessórios com pedraria que se aproximem do tema “mar”.

manu gonçalez casamento na paria 05

Mesmo com a informalidade do evento, não deixem de adequar o seu traje ao tempo: areia, vento, sol, calor acima da média (dependendo da estação) e até chuva poderão surpreender você caso não tenha se preparado.

No que diz respeito aos trajes do noivo, pais e padrinhos, estes serão ditados pelos noivos, e seguirão o estilo de casamento planejado. De maneira geral recomenda-se o social sem gravata, como calça, camisa e (ou sem) blazer.

Para facilitar a vida dos convidados e evitar trajes inadequados sugira antecipadamente o dress code no próprio convite de casamento ! Tenho certeza que esta atitude será aplaudida pelos indecisos … rs

manu gonçalez casamento na paria 04

Madrinha com roupa igual (ainda) é diferente?

love me do1

Existiu um tempo em que investir em madrinhas com roupa igual era diferente. O habitual sempre foi “cada uma escolher a sua cor”. Não que essas formas tenham saído de moda, ou não tenham o seu valor !! Todavia, as noivas hoje permitem que as suas madrinhas “apareçam” através de modelos exclusivos, pensados para elas e esse tipo de liberdade só mostra como esta amizade é importante. Em alguns casos vemos até a participação das amigas-madrinhas na escolha do modelito ! E o limite fica por conta somente da criatividade da noiva, ou de todas elas juntas.

Os vestidos agora seguem as cores da dècor, o estilo próprio de se vestir das amigas, a proposta do casamento (rústico ou clássico), ou até um “tema” definido pela noiva.

blog manu madrinhas de casamento 01

Embora nada disto supere  a honra que é receber um pedido desses: não se escolhem mais madrinhas-padrinhos “ricos” como certeza de bons presentes (ok, talvez alguns ainda o façam … rs); acompanhamos um amadurecimento gradativo por parte dos noivos (e da Sociedade) e o convite passou a ser direcionado para os amigos íntimos e realmente especiais, com o intuito de elevar essa amizade a um outro nível – mais familiar. Uma forma de dizer para aquela pessoa que ela foi escolhida para estar sempre próxima (ou, mais próxima ainda) da vida do casal, dali em diante. E não deveria ter sido sempre assim ??!!

blog manu madrinhas de casamento 02

O papel da madrinha surgiu para que a noiva tivesse “suporte” durante os preparativos, e não se sentisse sobrecarregada, e consiste dentre outras coisas em:

  • ajudar na escolha do vestido da noiva;
  • auxiliar a noiva no planejamento do casamento;
  • organizar a despedida de solteira, o chá de panela ou lingerie;
  • no dia do casamento ajudar a noiva a se preparar;
  • durante a cerimônia estar atenta a ela, na arrumação do vestido, na make ou penteado e deixá-la tranquila e confiante;
  • durante a cerimônia religiosa ou civil ficar responsável pelo bouquet;
  • ajudar a noiva escrevendo o nome das amigas solteiras na cauda do vestido;
  • ajudar na organização da mala para a lua-de-mel e da “malinha” para a noite de núpcias;
  • ajudar na decoração do carro da saída dos noivos (por que não vejo mais isto ??!!! tão delicado e romântico !); etc.

blog manu madrinhas de casamento 03

Atualmente, com a contratação das Assessorias de Casamento e Cerimonial estas funções foram sendo aos poucos incorporadas, o que acabou por reduzir este convívio e auxílio. Quando muito, as madrinhas, como a mãe da noiva participam do making of e fazem a make e o cabelo juntas, no mesmo espaço. Ninguém mais tem tempo, todo mundo trabalha horas e mais horas extras e a organização do evento se mostra cada dia mais objetiva e “planilhada”.

Não deixe que isto aconteça ! Aproveite para dividir estes momentos valiosos com quem você escolheu para estar ao seu lado, durante a sua cerimônia. Este tempo não voltará … lembre-se que quanto maior o envolvimento, maior a troca; e maior será a sintonia de  vocês no grande dia. Como consequência, um ambiente repleto de amor e tranquilidade, muitas risadas, pessoas para dividir o nervosismo e a expectativa, e uma amiga, ou várias delas, pra lhe dizer como você está linda e radiante !

Selecionei alguns modelos de vestidos de madrinhas originais, para vocês se inspirarem !!

blog manu madrinhas de casamento 04

Quando as noivas optam pela irreverência

Outro dia estava lendo sobre o “ensaio boudoir” (leia-se budoá), que é um ensaio fotográfico com o objetivo de mostrar o lado mais “íntimo” da noiva. Na minha opinião, para que esta idéia funcione e seja um diferencial positivo no making of precisa se utilizar de dois pilares:  um, e mais óbvio, a sensualidade da noiva; e por isso ele não irá funcionar se você não estiver totalmente a vontade com este momento. E dois, a leveza e habilidade do fotógrafo, que deve ser bom o suficiente para que isto não se torne um episódio próximo da vulgaridade – que não condiz com este dia. Afinal, se a idéia é um ensaio sensual simplesmente, você pode aproveitar outras datas para fazê-lo !

Recordo-me que a primeira vez que vi um ensaio deste tipo (e nem sabia que tinha esse nome) foi no site da fotógrafa Fabrícia Soares, e pensei: “nossa, que ousado ! será que eu teria coragem ??”. Hoje vejo tantas fotos assim, tantas noivas irreverentes ! Aplaudo sempre de pé a ousadia !

noivas ensaio boudoir 01

Boudoir é um termo em francês que designava o quarto privado da mulher no século XVI, onde elas se arrumavam , após o banho. Como se fosse um “closet” de hoje em dia, com uma penteadeira para os retoques finais de cabelo e maquiagem, agora já vestidas.

noivas ensaio boudoir 02

Atualmente, para o “universo casamento” este termo ganhou espaço através das fotos com lingeries, corselets e/ou peças de roupa íntima a mostra. Por isso mesmo é um momento onde somente a noiva e o fotógrafo estarão na suíte do hotel ou local que a mesma  tenha escolhido para o making of: sem distrações, sem companhias.

Em contrapartida o resultado, que pode e deve ser compartilhado, e  lhe dará um leque de direções, por exemplo já aproveitar uma das fotos e enviar para o celular do seu noivo e animá-lo para a noite de núpcias; escolher a sua preferida, emoldurá-la e pendurar em um cantinho dentro de casa onde somente você e o seu (agora) marido possam admirar; fazer um álbum para rir e mostrar às amigas durante uma sessão de champagne, ou até usá-lo para relembrar a você mesma, sempre, como é linda e sensual e que não deve perder esse lado durante os próximos anos de relacionamento …

noivas ensaio boudoir 03

Como a intenção aqui não é o nú explícito e sim o “esconde-revela”, o interessante é que sejam utilizados elementos do grande dia para contextualizar o ensaio, quer sejam: véu, grinalda, bouquet e sapatos. Estes itens trarão a feminilidade necessária para o registro e principalmente, o toque de romance que todo casamento possui como pano de fundo. Não perca esse toque ! Porque neste dia, e somente neste dia, você estará vestida de noiva.

noivas ensaio boudoir 04

Fascinators para as noivas modernas

Ontem conferi algumas das fotos da Royal Ascot Races 2013. Este evento, conhecido como a corrida de cavalos mais famosa do mundo, acontece todos os anos na Inglaterra, e reúne a aristocracia britânica há mais de 300 anos. Sempre me encantou pela prática dos piqueniques nos intervalos, que poderiam ser comuns por aqui, diante de tanta área verde, não ?

Mais do que um local de apostas ficou conhecido como um belo cenário para as mulheres desfilarem seus  chapéus e fascinators – todo adorno de cabelo feito de plumas, penas e pedrarias – tendência cada vez mais forte junto às noivas (aliados aos casquetes e voilettes).

Alguns dos meus modelos preferidos, usados nos últimos anos …

noivas modernas chapeus 01

Caso você seja daquelas noivas que gostam de surpreender (amo !), e pensa em usar um acessório de cabelo único e marcante não deixe de conhecer o trabalho da milliner brasileira Graciella Starling, considerada a nossa Philip Treacy pela Revista Vogue Noivas.

Millinery é a tradição de fazer chapéus e ornamentos de cabeça à mão, e por aqui esta desginer  é uma das principais representantes. Foi ela também que nos apresentou a prática das penas desplumadas – penas que têm suas plumas retiradas e por isso ficam leves e transparentes.

De acordo com ela, “as peças são mais indicadas para o dia, para casamentos que comecem e terminem até às 18 h. Mas, como é uma tendência, já é possível combinar os enfeites com os vestidos usados à noite, em especial os menos volumosos.”

Como parcimônia é sempre bem-vinda, opte por vestidos de noiva discretos, complete com belas jóias e encante os seus convidados com a alta chapelaria !

Fiz uma seleção de chorar de emoção pra vocês, porque para estes modelos, eu literalmente tiro o meu chapéu …

noivas modernas chapeus 04

Deixe seus convidados cativarem você !

Não é novidade alguma que casar custa caro, e muito ! Talvez por isto, a tendência cada vez mais forte do mini wedding, com recepções bem íntimas e personalizadas.

O número de convidados foi reduzido para receber somente as pessoas muito próximas; em contrapartida, a quantidade de mimos e delicadezas para estes convidados especiais aumentou. Existe uma busca cada vez maior por parte dos noivos de agradar: seja através de pequenos detalhes na dècor, lembrancinhas originais e/ou homenagens no decorrer da cerimônia.

Por que não deixar que os seus convidados cativem vocês também ? Uma maneira simples e divertida de fazer isto é criar dentro do tema da sua decoração um espaço para que os seus amigos deixem recados pra vocês, ou melhor dizendo “conselhos”.

Imagina chegar da lua-de-mel e abrir essa caixinha, ou gaiola, ou “bolacha de chopp” que você criou para esse intuito e se deliciar com vários conselhos bacanas ? Eles podem ser sérios, engraçados, ou duvidosos (rs): o importante é que vocês permanecerão “perto” dos seus convidados por muito tempo, como se a festa ainda não houvesse terminado !

convidados que cativam

E vocês podem guardá-los em um cantinho especial para checar sempre que necessário. Mensagens como “pense duas vezes antes de criticar a roupa dela se não deseja sair com uma mulher muda e emburrada”, “nunca fale mal da mãe dele, nunca !”, “diga que o compromisso de vocês é uma hora antes do horário real, assim vocês nunca se atrasarão”, “aproveite o horário do PS3 para fazer uma massagem no cabelo”, “vinho “x” para relaxar e vinho “y” para animá-la …” entre outros, com certeza deixarão a convivência mais leve até em momentos de “crise” … vai por mim !!

Flores na cabeça

O estilista Giambattista Valli, conhecido como mestre dos vestidos cocktail adotou coroas de flores em metal, em seu desfile de noivas primavera 2013 . A idéia era que as “tiaras” parecessem imensos bouquets, em composição com os vestidos mais despojados da coleção.

flores na cabeça 01

Não acredito que essa moda conquiste as noivas brasileiras – pelo menos a maioria delas, que ainda segue uma linha mais clássica. Todavia, esta tendência pode ser adaptada para um estilo mais romântico, quando reduzimos as flores, damos um toque de cor nelas ou a customizamos com itens mais delicados como a pérola. A posição da mesma, se no alto da cabeça ou presa à testa ficará a cargo do gosto e conforto de cada noiva, e claro, conforme o modelo de vestido escolhido.

flores na cabeça 02

Uma outra opção mais informal, e que se mostra como ótima escolha para casamentos no campo ou na praia são as coroas de flores naturais. Com esta opção você poderá abusar de vestidos bucólicos, fluidos, vintage ou boho chic e românticos sem muitos detalhes. O único cuidado necessário será sintonizar a coroa de flores com o seu bouquet, para que o resultado final permaneça harmônico em cor e tamanho devido a proximidade dos mesmos.

flores na cabeça 03

No final, flores são flores, e cabe a você decidir qual das opções acima mais se adequa ao seu estilo, e qual delas encaixa melhor com o tipo de cerimônia que você sonhou !

Como eternizar suas lembranças

eternizar essa lembrança“Conservar algo que possa recordar-te seria admitir que eu pudesse esquecer-te.” Quem disse isso foi  William Shakespeare. Concordo com ele em parte ! rs Existem coisas tão especiais que merecem sim um cantinho único na sua vida, que não seja o coração. E que tal na sua casa ??!!

Toda noiva possui um “xodó” no seu casamento, que geralmente já é nomeado em meio ao planejamento do grande dia. A maioria das noivas o tem com o seu vestido de noiva. Aquele sonhado, desejado, e quando o orçamento permite, “de estilista” (\o/).

Outras, loucas-maníacas por sapatos (tipo eu por bolsas …)  chegam a gastar uma fortuna de passagem para ir buscar o seu de cristal lá no exterior.

Por quê não guardá-los pra sempre ?! Use sua criatividade ! Desidratar o bouquet e enquadrá-lo já é comum, eu, particularmente prefiro dá-lo a alguém importante já no grande dia. Mas que tal enquadrar o seu vestido (claro, se ele não for alugado) ?! Siimmm, o seu vestido !! A-do-ro essas noivas cheias de imaginação ! O modelo a esquerda  ficou eternizado como decoração no closet.

E existem também aquelas que tomam gosto pelo bouquet, o convite, o biscuit do topo de bolo, as havaianas … porque todos esses itens são pensados dentro do conceito e paleta de cores do evento, e acaba que você se apega por aquele que foi mais difícil de escolher, ou mais “apertado” e “suado” no orçamento – e que não podia ficar de fora, ou aquele, especial, que no final das contas ficou total a sua cara, e que todo mundo comentou por meses e meses pós-casório.

Você pode também usar o seu convite como fundo de uma bandeja bem bonita, pra servir as refeições do casal na cama ou para visitas queridas, ou enquadrar ele em uma moldura no estilo de decoração da sua casa, e usar como lembrança no seu escritório.

memorias 01

O meu sapato de noiva por exemplo fiz na Lidú Calçados, sob medida. O preço dela cobria inclusive retornar por lá e mudar o tecido para preto, pois assim eu poderia continuar a usá-lo em ocasiões festivas, com todo tipo de vestido;  mas depois que vi essa foto aqui fiquei doida ! Agora só preciso arrumar um closet pra chamar de meu …

memorias 02

A questão é: o quê no seu casamento não sai da sua cabeça ?! Ou ainda: qual lembrança você deseja eternizar quando casar ?

Noiva tatuada: o detalhe que merece um click

Antigamente ser tatuada era a “exceção”, né ?! Hoje acho que virou regra ! rs Muitas pessoas escondiam seu “detalhe” no ambiente de trabalho, em locais mais conservadores, com receio de ser julgado, ou até (pasmem !) perder uma oportunidade de trabalho em entrevista.

Copyright

Eu tenho duas, que querem dizer “vida”. E que demorei a fazer porque sempre admirei essa técnica, mas achava que precisavam ter um REAL  e infinito significado, e ciente de que, por isso, nunca poderiam ser apagadas. Carrego-as comigo como sinal de “vida e morte” na minha história: morte e vida  de dois amores. Elas foram manifestações minhas, de dentro, e pra mim. Confuso ?! rs Digo isso porque muitos ainda a utilizam como adorno, “modinha”, e talvez por isso se cansem, e tenham que apagá-las depois de um tempo por enjôo ou até porque a fizeram em homenagem a um amor que se foi …

minha tatuagem 02

O que eu vejo de mais bonito em uma tatuagem, e que é pra muitos contraditório é o fato de que você precisa se “mutilar” pra dizer quem é. Não é só “estilo”. É uma decisão consciente de carregar junto de si algo/alguém que você gosta/sabe quem é, mas por ter uma importância especial você precisa ter na cabeça, no coração e TAMBÉM no corpo, pra olhar e cumprimentar todos os dias em reverência.

tatuagens discretas no casamento

Concordo com a artista plástica Célia Maria Antonacci Ramos, autora do livro Teorias da Tatuagem, quando diz que o surgimento da mesma deu-se já que “um dos objetivos seria permitir ao indivíduo registrar sua própria história, carregando-a na pele em seus constantes deslocamentos“.

O seu casamento, por exemplo, não faz parte desta imensa história ?!

Não sou a favor de “encher”o corpo de “decoração” pra fazer um “tipo”. E também não recrimino as pessoas que não as têm. Mas se este desejo tocar você, não pense em fazê-la com a idéia de que “hoje é mais fácil porque tem laser que apaga !”. Deseje-a carregar pra sempre, como parte de você, e da sua história – bela ou não tão bela – e aproveite o seu fotógrafo para registrá-la de maneira bem especial no seu álbum.

tatuagens mais chamativas no casamento

Melhor ainda se você quiser destacá-la em um porta-retrato bem estiloso dentro de casa. Porque aí você poderá olhar ela pra sempre, enquanto ela olha por você.

Fotos para o “Save the Date”

O “Save the Date” é uma expressão de origem inglesa que ganhou espaço no Brasil diante da enorme quantidade de compromissos sociais e profissionais que todos temos. Os futuros convidados do seu casamento provavelmente já possuem algumas viagens de trabalho pré-agendadas, férias marcadas, um parente que mora longe e ele já marcou de visitar e alguns deles até morem fora da sua Cidade.

Após esta primeira análise você poderá antever o período de envio do mesmo, que pode ser de 3 a 6 meses antes do evento, lembrando-se de evitar que o mesmo chegue junto ou próximo a entrega do convite oficial.

dicas da manu de save the date 01

Como o “Save the Date” (ou “reserve a data” na língua portuguesa) não é obrigatório tradicionalmente, muitos se questionam da sua necessidade. Na minha opinião, mais do que uma forma educada de permitir que os seus convidados remarquem possíveis compromissos (ou agendem a viagem de vinda), você estará elegantemente fazendo com que possam ajustar-se também financeiramente. Sim, porque aceitar um convite de casamento hoje em dia custa caro – no mínimo o combo: presente, aluguel de roupa mais escova ! rs

dicas da manu de save the date 02

Esta é uma ótima oportunidade também para já ditar o clima do evento, e em algumas vezes demonstrar como será o estilo do mesmo (por exemplo, cerimônias na praia). Faça constar data do casamento, local e nome dos noivos – informações adicionais ficarão para o convite oficial e manterão o layout clean e objetivo. Se quiser manter a elegância até o final envie-o pelo Correio, bem “old school” e surpreenda desde o começo ! Mas o envio por e-mail também é aceito, apesar do risco de passar despercebido pelo convidado.

Sente com o seu noivo e pensem numa maneira bem criativa de desenvolver o STD de vocês, aqui tudo é permitido – algo que leve em consideração o gosto e preferências do casal e que ao final fique com a cara de vocês ! Uma forma bem interessante e que não irá gerar custos relevantes no orçamento são as fotos: inspire-se !!

dicas da manu de save the date 03