Category Temáticas

Casamento na praia: as primeiras observações

Decoração Casamento na Praia

Casar na praia vem sendo a primeira escolha daqueles que desejam uma cerimônia autêntica e marcante. Seja pelo privilégio de presenciar a chegada do pôr do sol , que encanta a todos e embeleza o evento, o simples sussurro da maré ou o cair da noite em clima de romance – fato é que cada vez mais casais se rendem a este estilo de cerimônia.

Um detalhe que a maioria desconhece é que um casamento na praia só pode ser feito através de um Alvará da Prefeitura com autorização para a utilização do espaço escolhido, que geralmente é requerido e autorizado um mês antes do grande dia. Por este fato já percebemos que um evento neste estilo requer muita organização e disciplina no seu planejamento, e mais ainda, um estudo apurado das minúcias do local para que o casal não tenha surpresas desagradáveis no decorrer da cerimônia (por exemplo o comportamento instável da maré para aquele período).

Uma maneira de minimizar estes riscos é fazer o casamento na primavera (entre setembro e novembro), quando a temperatura está mais amena e não há tanta possibilidade de chuva, todavia, ainda assim o casal deverá manter um “plano B” caso haja mudanças climáticas bruscas e atípicas, como toldos, estruturas fixas de apoio e um local coberto anexo para que toda a recepção possa ser remontada neste espaço sem que a decoração seja prejudicada, e que comporte inclusive o DJ e os seus equipamentos eletrônicos.

casamento na praia 01

Um gerador por exemplo entrará em ação caso haja queda de energia elétrica, e manterá a comida (geralmente fresca) refrigerada.

Outrossim, como você estará exposto aos olhares de “estranhos”, visto que o evento se dará em local público, muitos buscam contratar um segurança particular. Uma outra observação importante é a necessidade da presença ininterrupta de um salva-vidas,  para o caso de convidados mais exaltados insistirem em mergulhar depois do excesso de bebida alcoólica.

Importante também verificar a existência de banheiros suficientes no local, ou a necessidade de se contratar banheiros do tipo “container”ou químicos, evitando assim constrangimentos maiores para todos os convidados.

Com relação a decoração, esta não necessariamente precisa ser baseada no conceito náutico, todavia, muitos se aproveitam deste tema quando da escolha da paleta de cores, no intuito de valorizar o “fundo” azul e verde ao redor.

casamento na praia 03

As flores devem ganhar atenção especial principalmente se você optar por casar em meses quentes, quando o calor e o sol fortes as farão murchar rapidamente – converse com a sua decoradora ou o seu florista sobre as opções mais resistentes para a data do seu casamento.

casamento na praia 04

Como festas na praia pedem sabores e texturas mais leves, uma boa pedida são os bolos com sabores de fruta (abacaxi, limão, maracujá) ou os bolos adornados com frutas frescas (por exemplo um bolo de ganache de chocolate coberto com morangos). Uma outra opção é utilizar as mesmas flores do bouquet, ou alguma flor presente na festa, para trazer identidade visual com a dècor.

casamento na praia 07

As bebidas devem ser as mais variadas possíveis, para que você possa agradar a todos os paladares, mas como o ambiente é natural não deixe de acrescentar sucos de frutas diversos e bebidas exóticas (os famosos drinks e coquetéis) que darão um colorido sofisticado e sabor atraente a sua festa.

casamento na praia 06

O cardápio seguirá a gosto do casal, mas como o ambiente já sugere o ideal é servir pelo menos um prato à base de peixes ou frutos do mar. Lembre-se de adicionar uma segunda opção para aqueles que não apreciam estas iguarias (massas, saladas ou outro tipo de carne). Atenção redobrada também aos doces e pratos que levam frutas ou itens que azedam e com os chocolates para que não derretam. A refrigeração deve ser adequada à recepção prevista !

E no mais, seja gentil com os seus convidados: disponibilize repelentes, assentos seguros para que ninguém caia na areia e deixe claro no seu convite o dress code correto para que todos permaneçam confortáveis durante o evento.

Casamento na Praia

Para outras inspirações sobre este tema acesse o álbum “Casamento na Praia”, lá na minha fan page, basta clicar no link presente aqui no blog !

 

 

 

 

Fotos para o “Save the Date”

O “Save the Date” é uma expressão de origem inglesa que ganhou espaço no Brasil diante da enorme quantidade de compromissos sociais e profissionais que todos temos. Os futuros convidados do seu casamento provavelmente já possuem algumas viagens de trabalho pré-agendadas, férias marcadas, um parente que mora longe e ele já marcou de visitar e alguns deles até morem fora da sua Cidade.

Após esta primeira análise você poderá antever o período de envio do mesmo, que pode ser de 3 a 6 meses antes do evento, lembrando-se de evitar que o mesmo chegue junto ou próximo a entrega do convite oficial.

dicas da manu de save the date 01

Como o “Save the Date” (ou “reserve a data” na língua portuguesa) não é obrigatório tradicionalmente, muitos se questionam da sua necessidade. Na minha opinião, mais do que uma forma educada de permitir que os seus convidados remarquem possíveis compromissos (ou agendem a viagem de vinda), você estará elegantemente fazendo com que possam ajustar-se também financeiramente. Sim, porque aceitar um convite de casamento hoje em dia custa caro – no mínimo o combo: presente, aluguel de roupa mais escova ! rs

dicas da manu de save the date 02

Esta é uma ótima oportunidade também para já ditar o clima do evento, e em algumas vezes demonstrar como será o estilo do mesmo (por exemplo, cerimônias na praia). Faça constar data do casamento, local e nome dos noivos – informações adicionais ficarão para o convite oficial e manterão o layout clean e objetivo. Se quiser manter a elegância até o final envie-o pelo Correio, bem “old school” e surpreenda desde o começo ! Mas o envio por e-mail também é aceito, apesar do risco de passar despercebido pelo convidado.

Sente com o seu noivo e pensem numa maneira bem criativa de desenvolver o STD de vocês, aqui tudo é permitido – algo que leve em consideração o gosto e preferências do casal e que ao final fique com a cara de vocês ! Uma forma bem interessante e que não irá gerar custos relevantes no orçamento são as fotos: inspire-se !!

dicas da manu de save the date 03