Ensaio Boudoir tagged posts

Liga de casamento: ela ainda vai envolver a sua cabeça …

Uma tradição — ainda pouco usada no Brasil relaciona o futuro do casal e dos seus convidados a um detalhe íntimo do look da noiva: a liga ou garter (tecido franzido que envolve uma das coxas da mulher). Na Europa e nos Estados Unidos esse acessório não está mais restrito às núpcias e é o principal objeto de uma brincadeira chamada “o jogo da cinta-liga”.

blog da manu gonçalez liga de casamento 01

Ela é muito semelhante ao famoso momento de cortar a gravata do noivo e pedir ajuda financeira em troca dos pedacinhos do item, que hoje divide a opinião dos especialistas entre “divertido” e “deselegante”. Ao invés de ser feita em pedaços, a liga é leiloada entre os convidados do sexo masculino — em especial aqueles que desejam ficar bastante tempo solteiros ! rs

Outra versão da brincadeira manda apenas que o noivo jogue a liga para que os seus convidados disputem o objeto entre si, da mesma maneira que ocorre com o bouquet e as convidadas solteiras presentes no casamento.

Mais do que uma brincadeira, acredito que o uso deste acessório se torna especial quando pode:

1) render belíssimas e delicadas fotos no making of ao adicionar charme extra ao look;

2) criar um delicioso momento de intimidade entre o casal, e aguçar a imaginação do noivo – que pode ir a mil, se você contar baixinho pra ele, no momento certo, que ela faz parte da sua produção … (e esse não é nada mais, nada menos, do que um dia do casal e para o casal ?!)

blog da manu gonçalez liga de casamento 02

3) “quebrar” a fragilidade e o tradicionalismo do vestido de noiva, já que ainda é uma peça sensual, que remete ao fetiche masculino;

4) ser um grande aliado no ensaio boudoir (já falamos dele por aqui !), ao garantir todas as vantagens que um ensaio como este traz ao grande dia – diversão entre as amigas e fotos instantâneas diretas para o celular do noivo !! rs

5) fazer parte da identidade visual do seu look, se combinado com as flores da cabeça, ou com o adorno de cabelo, ou até com a cor do seu batom ou bouquet. Afinal, uma produção inesquecível é feita do conjunto de detalhes que a compõe  !

6) fazer você se sentir poderosa e “transgressora” com o seu modelito, mesmo que, por vergonha, opte por não registrá-la …

7) ou, simplesmente, fazê-la sentir-se feminina !

blog da manu gonçalez liga de casamento 03

Diante de tanta criatividade entre os brasileiros, imagina como não serão as milhares de formas engraçadas que os noivos usarão para “arrancá-las” das pernas das noivas, caso esta moda pegue por aqui ??!!! rs Faça deste momento algo único, inusitado e divertido para vocês ! Os fotógrafos agradecem …

blog da manu gonçalez liga de casamento 04

Quando as noivas optam pela irreverência

Outro dia estava lendo sobre o “ensaio boudoir” (leia-se budoá), que é um ensaio fotográfico com o objetivo de mostrar o lado mais “íntimo” da noiva. Na minha opinião, para que esta idéia funcione e seja um diferencial positivo no making of precisa se utilizar de dois pilares:  um, e mais óbvio, a sensualidade da noiva; e por isso ele não irá funcionar se você não estiver totalmente a vontade com este momento. E dois, a leveza e habilidade do fotógrafo, que deve ser bom o suficiente para que isto não se torne um episódio próximo da vulgaridade – que não condiz com este dia. Afinal, se a idéia é um ensaio sensual simplesmente, você pode aproveitar outras datas para fazê-lo !

Recordo-me que a primeira vez que vi um ensaio deste tipo (e nem sabia que tinha esse nome) foi no site da fotógrafa Fabrícia Soares, e pensei: “nossa, que ousado ! será que eu teria coragem ??”. Hoje vejo tantas fotos assim, tantas noivas irreverentes ! Aplaudo sempre de pé a ousadia !

noivas ensaio boudoir 01

Boudoir é um termo em francês que designava o quarto privado da mulher no século XVI, onde elas se arrumavam , após o banho. Como se fosse um “closet” de hoje em dia, com uma penteadeira para os retoques finais de cabelo e maquiagem, agora já vestidas.

noivas ensaio boudoir 02

Atualmente, para o “universo casamento” este termo ganhou espaço através das fotos com lingeries, corselets e/ou peças de roupa íntima a mostra. Por isso mesmo é um momento onde somente a noiva e o fotógrafo estarão na suíte do hotel ou local que a mesma  tenha escolhido para o making of: sem distrações, sem companhias.

Em contrapartida o resultado, que pode e deve ser compartilhado, e  lhe dará um leque de direções, por exemplo já aproveitar uma das fotos e enviar para o celular do seu noivo e animá-lo para a noite de núpcias; escolher a sua preferida, emoldurá-la e pendurar em um cantinho dentro de casa onde somente você e o seu (agora) marido possam admirar; fazer um álbum para rir e mostrar às amigas durante uma sessão de champagne, ou até usá-lo para relembrar a você mesma, sempre, como é linda e sensual e que não deve perder esse lado durante os próximos anos de relacionamento …

noivas ensaio boudoir 03

Como a intenção aqui não é o nú explícito e sim o “esconde-revela”, o interessante é que sejam utilizados elementos do grande dia para contextualizar o ensaio, quer sejam: véu, grinalda, bouquet e sapatos. Estes itens trarão a feminilidade necessária para o registro e principalmente, o toque de romance que todo casamento possui como pano de fundo. Não perca esse toque ! Porque neste dia, e somente neste dia, você estará vestida de noiva.

noivas ensaio boudoir 04