Noiva tagged posts

Os votos

Esta semana revi pela terceira vez (!!) o filme “The Vow”, que por aqui chegou como “Para Sempre”.  Engraçado como em cada uma das vezes, um mesmo filme nos leva para lugares (e pensamentos) diferentes, sendo visto em cada uma delas por um novo ângulo. Ok, ok, eu confesso: o ângulo do Tatum é sempre o mesmo (amor, me desculpe, você sabe que a minha história com ele é antiga…rsrs). Só sei que desta vez me peguei feliz pensando com os meus botões: “ainda bem que os votos começaram a ser elaborados pelos próprios noivos!”. Não me lembro exatamente em que período isto começou a acontecer, em que momento da história os votos tradicionais lidos pelos padres deram lugar aos corações apaixonados, doidos para externar o seu amor. Só sei que eu me peguei feliz quando revi a cena dos votos!!

IMG_6248

Ela: “Eu me comprometo a ajudá-lo a amar a vida, a sempre abraçá-lo com ternura, e ter a paciência que o amor exige. Para falar quando palavras forem necessárias, e compartilhar o silêncio quando não forem. Para discordar em concordar sobre o bolo red velvet. E viver no calor do seu coração, e sempre chamar de lar.”

Ele: “Eu me comprometo a amá-la seriamente, em todas as suas formas. Agora e para sempre. Prometo que nunca vou esquecer que esse é um amor para a vida toda. E sempre sabendo, na parte mais profunda da minha alma, que não importam os desafios que venham a nos separar, sempre encontraremos um caminho de volta para o outro.”

 Simples.

Puros.

Verdadeiros. (Como os votos devem ser).

A maioria dos meus noivos escrevem os votos na semana do casamento, ou na véspera do  grande dia. Por motivos diversos. Medo de não atender a expectativa do outro, dúvida sobre o que exatamente falar ou até mesmo pela pura correria do trabalho e da vida!

Parece clichê dizer isto, mas não existe dificuldade! Quem melhor do que você para falar sobre ele ou para ela? Curto ou longo, não importa o tamanho do texto. Não precisam nem se preocupar com a linguagem! Sendo a história e o sentimento de vocês somente, vale até usar o “dialeto próprio” (e qual casal não tem a sua própria linguagem?)! O importante é que ela entenda, e que você compreenda. Basta. Os convidados estarão presentes como meras testemunhas de um amor que já está consumado: no dia-a-dia, na convivência, nos bons e maus momentos que a vida traz, e que juntos devemos contornar. Se eles estão ali, realmente presentes, e foram convidados pelos motivos certos: amizade, elo familiar, ligação “de outras vidas”, não importa nem se vocês falarem baixinho um para o outro – contanto que depois eles possam comemorar junto com vocês em alto e bom som!!

Os votos são para dois, não para o mundo. Voto é promessa, manifestação de vontade, então melhor um noivo tímido que mal consegue falar o que sente na frente do Celebrante, do que o expansivo cheio de desenvoltura que não cumpre o que diz. Deixa o seu noivo falar duas linhas, e leia você um testamento. Permita que ele leia no celular, se o iPhone for o melhor amigo dele, e leia você no papel de gramatura 300g, texturizado e perfumado. Ou leia no papel de carta da sua infância, quando você já acreditava em príncipe encantado. Que ele tenha o direito de tirar o papel do bolso, amassadinho, e mesmo que ele conte aquele “causo” que te deixa loucamente sem graça, faça desta hora um momento de significado e se importe com o que realmente importa: que as palavras tenham o sentido real do que motivou vocês a chegarem ali: naquele metro quadrado de pura ansiedade para ouvir o sim! Se este momento será regado a um exagero de lágrimas, gagueira ou risadas cheias de nervosismo; se você não fica bonita quando chora (porque a sua boca entorta), ou ele chora engraçado e todo mundo ri – esqueçam a foto, o “short film”, ou o que as pessoas irão pensar se vocês assumirem os apelidos, ali, na frente de todo mundo. O amor pra ser eterno precisa de honestidade: de intenção e de alma. Por isso sejam originais: sejam vocês mesmos! Desta forma, assim como no filme, ambos terão sempre motivos para retornar – um para o coração do outro…

Casamoda Noivas 2014: fui, vi e gostei!

Eu estou sempre em busca de novidades, criatividade, ousadia! Busco o “diferente” para mim e consequentemente para as minhas noivas também. Em virtude disto me interesso pelos eventos do segmento de Casamento que apresentam tendências para o ano, idéias para tornar o casamento único e claro, fornecedores que queiram sair do óbvio, do lugar comum.

A minha experiência no Casamoda foi bem positiva. Um dos pontos altos na verdade foi a qualidade dos profissionais que estavam presentes: parabenizo aqui a Equipe de organização deste evento que conseguiu reunir nomes de mesmo “peso”em um mesmo espaço. Pela primeira vez em um evento deste porte vi PEÇAS e PRODUTOS se destacando, e não MARCAS. E isto só acontece quando você reúne muita gente fera, e deixa para o cliente – no caso, o público-alvo noivas – apenas a tarefa de selecionar o quê ou quem mais se identifica com o seu perfil.

Dito isto vocês imaginam o que passei por lá: fui para buscar referências para as minhas noivas,e acabei com vontade de levar tudo na bolsa e casar mil vezes, cada vez com uma produção diferente!! rs

Como já falamos lá pela fan page as costas em evidência permanecem este ano! Rendas, transparências (muito tule ilusion!), decotes profundos estão aí para serem vistos e levados pra casa!

post-01

Os vestidos “estilo-camisola” também! Lânguidos, fluidos, como se tivessem saído do nosso closet e ganhado uma customizada nada básica de rendas e mais rendas.

post02-02

As pérolas – para a minha felicidade estão em todos os cantos: nos adornos de cabelo, nos sapatos, nas mangas dos vestidos e nas costas (fechadas ou abertas), bem como o uso de muita pedraria! As flores descem em menor ou maior quantidade pelo corpo, até a cauda! O romance e a delicadeza são sentidos no ar… mas agora acompanhados de uma bossa um pouco mais sensual, digna da noiva que não quer passar despercebida.

post-03-03

E por falar em noiva pude acompanhar de perto (e de olhos e ouvidos bem abertos) algo que já comentei também pela nossa fan page: as noivas de hoje sabem o que querem. E elas querem ser tendência! O que elas desejam são peças únicas, personalizadas, repletas de significado e história. Vi pouquíssimas noivas acompanhadas das mães. Elas estavam sozinhas, ou acompanhadas de amigas. E a grande maioria conhecia o seu corpo, os seus contornos, o que lhe caía bem. Pelos corredores quase não ouvi a frase “o que você acha?” e isso me deixa, como Assessora e Cerimonialista mais do que feliz – radiante!

Minha bandeira é essa, sempre: seja VOCÊ a tendência do seu casamento (lembram do post?)! Encante os seus convidados com a sua personalidade, seu estilo, seu jeito de ser – independentemente se ele está na moda ou não! O mercado está mais do que nunca atento para a maior tendência no Meu-Mundo-Casamento – as NOIVAS (!) e estará disposto a viajar ao seu lado até o último detalhe necessário para a confecção do seu sonho. Pode apostar nisso!

 

Não esqueça da noiva que você sonhou ser !

Noiva busca idéias em milhões de lugares. Na minha época as minhas maiores fontes de inspiração foram as revistas Vogue e Manequim Noivas. Me recordo de querer ser uma noiva como aquelas que eu via nestas revistas: etéreas, quase celestiais…

Um passo muito importante para que este tipo de coisa se concretize é contratar um bom fotógrafo e conversar abertamente com ele – sem medo, sem receios ou pudor de dizer como você deseja ser vista. No primeiro quesito eu acertei em cheio: a minha foi a TOP Patrícia Figueira. Todavia lembro de conversar com ela por horas relatando todos os detalhes da decoração e afins que não poderiam ser deixados de lado (enviar uma lista com estes detalhes também é uma ótima opção para que nada se perca), e que foram minuciosamente pensados, mas esqueci o mais importante: falar de mim, do meu sonho enquanto noiva, “modelo” vivo a ser registrado.

O fato de tê-la escolhido acabou por minimizar este contratempo, pois apesar da minha timidez (que é somente para fotos ! rs) ela conseguiu arrancar poses que até hoje eu me vejo namorando e penso: sou eu mesma ?! Ela cantava, ria, brincava e fazia de tudo para que o cenário contribuísse positivamente para o meu relaxamento, meu momento Gisele !

Hoje, quando me pego pensando friamente sobre isto, vejo o quanto fui boba em não mostrar para ela a noiva que eu sonhei ser ! Porque acaba que quando noiva e fotógrafo estão sintonizados, o tempo (escasso) para as fotos anteriores à cerimônia ganha novo sopro de esperança, e se alastra para a criatividade do profissional que está ao seu lado.

blog manu goncalez fotografias 03

Talvez seja somente a maturidade que vem com o tempo, e nos deixa livres para dizer o que se quer, como, onde e que horas, embora eu me ache uma pessoa extremamente objetiva e resolvida sobre quem eu sou e o que eu gosto. E o seu dia de noiva é muito atípico, você nunca viveu aquilo, aquela sensação: o coração bate diferente, menos cadenciado e você acaba se deixando envolver por aquele momento e não o contrário, quando você deveria “guiar” o ensaio e deixar a emoção somente para as fotos espontâneas, viscerais, sentidas de pronto !

Eu sonhei ser uma princesa moderna: clássica, mas sem perder o brilho descontraído que poderia surgir do meu humor e entusiasmo no grande dia. Ela apareceu nas fotos ?! Sim. Embora não por mérito meu … eu queria ter sido a noiva campestre no balanço, a noiva da realeza sentada distraída em uma cadeira renascentista, a noiva brincalhona que pula na cama com as amigas, a noiva (filha) que registra a aliança junto com as da mãe e da avó … eu queria ter deitado na grama, eu queria ter brincado com os milhões de doces que eu contratei, eu queria ter dançado, me lambuzado de bolo, criado um cenário romântico com sombrinha de antigamente, eu queria ter uma foto sensual com uma liga de casamento.

blog manu goncalez fotografias 01

Já parou pra pensar nas fotos que você sonha ver no seu álbum ? Qual aquela foto secreta que você namora sozinha e gostaria de fazer (nem que seja somente para usar como fundo de tela do notebook ou do celular) ?! Aquela que você não teria coragem de colocar no álbum, mas adoraria ter guardada em casa, para admirar-se de vez em quando ?!

blog manu goncalez fotografias 02

Não esqueça da noiva que você sonhou ser … e o principal: conte sobre ela para o seu fotógrafo !

Liga de casamento: ela ainda vai envolver a sua cabeça …

Uma tradição — ainda pouco usada no Brasil relaciona o futuro do casal e dos seus convidados a um detalhe íntimo do look da noiva: a liga ou garter (tecido franzido que envolve uma das coxas da mulher). Na Europa e nos Estados Unidos esse acessório não está mais restrito às núpcias e é o principal objeto de uma brincadeira chamada “o jogo da cinta-liga”.

blog da manu gonçalez liga de casamento 01

Ela é muito semelhante ao famoso momento de cortar a gravata do noivo e pedir ajuda financeira em troca dos pedacinhos do item, que hoje divide a opinião dos especialistas entre “divertido” e “deselegante”. Ao invés de ser feita em pedaços, a liga é leiloada entre os convidados do sexo masculino — em especial aqueles que desejam ficar bastante tempo solteiros ! rs

Outra versão da brincadeira manda apenas que o noivo jogue a liga para que os seus convidados disputem o objeto entre si, da mesma maneira que ocorre com o bouquet e as convidadas solteiras presentes no casamento.

Mais do que uma brincadeira, acredito que o uso deste acessório se torna especial quando pode:

1) render belíssimas e delicadas fotos no making of ao adicionar charme extra ao look;

2) criar um delicioso momento de intimidade entre o casal, e aguçar a imaginação do noivo – que pode ir a mil, se você contar baixinho pra ele, no momento certo, que ela faz parte da sua produção … (e esse não é nada mais, nada menos, do que um dia do casal e para o casal ?!)

blog da manu gonçalez liga de casamento 02

3) “quebrar” a fragilidade e o tradicionalismo do vestido de noiva, já que ainda é uma peça sensual, que remete ao fetiche masculino;

4) ser um grande aliado no ensaio boudoir (já falamos dele por aqui !), ao garantir todas as vantagens que um ensaio como este traz ao grande dia – diversão entre as amigas e fotos instantâneas diretas para o celular do noivo !! rs

5) fazer parte da identidade visual do seu look, se combinado com as flores da cabeça, ou com o adorno de cabelo, ou até com a cor do seu batom ou bouquet. Afinal, uma produção inesquecível é feita do conjunto de detalhes que a compõe  !

6) fazer você se sentir poderosa e “transgressora” com o seu modelito, mesmo que, por vergonha, opte por não registrá-la …

7) ou, simplesmente, fazê-la sentir-se feminina !

blog da manu gonçalez liga de casamento 03

Diante de tanta criatividade entre os brasileiros, imagina como não serão as milhares de formas engraçadas que os noivos usarão para “arrancá-las” das pernas das noivas, caso esta moda pegue por aqui ??!!! rs Faça deste momento algo único, inusitado e divertido para vocês ! Os fotógrafos agradecem …

blog da manu gonçalez liga de casamento 04

Em favor de uma pisada mais fashion !

Eu sou viciada em Sex and the City. Primeiro porque é uma série sobre mulheres independentes. Segundo porque  fala sobre moda. E terceiro porque trata de relacionamentos, e de amor (ou a falta dele). Mas eu não estou no grupo que passou a reconhecer Choos e Manolos (os famosos sapatos Jimmy Choo e Manolo Blahnik) por causa da Carrie (personagem da Sarah Jessica Parker) – apesar de (confesso) ter desejado por inúmeras vezes um charmoso “Mr. Big” pra mim – sem as traições e sumiços ! rs. Eu já babava por eles antes. Infelizmente, ou felizmente para a minha conta bancária, “Deus não dá asas à cobra”e eu vim ao mundo com uma pisada 33 ! Lembram do episódio “A woman’s right to shoes“, onde a Carrie criava uma lista de casamento “dela com ela mesma” que continha um item somente – um baphônico Manolo ?! Me peguei aqui pensando: será que esta idéia cola no Brasil ????!!!! rs

Blog da Manu Sex and the City

Hoje resolvi falar sobre sapatos, especificamente para as noivas que ainda insistem na idéia de deixá-los por último no ckeck list, já que “eles vão ficar escondidos o tempo todo mesmo”. Acreditem, muitas noivas não forram um sapato velhinho pelo conforto (um ótimo argumento quando forrados com uma roupinha estilosa ! rs). Geralmente o fazem no intuito de economizar no orçamento. Ok, eu também não acho que eles sejam a peça maaaais importante do look, afinal, eu sou a mulher das bolsas, e não dos sapatos de cristal, mas … levanto a bandeira em favor de uma pisada mais fashion !!

Você desce do carro, sobe os degraus da Igreja, da Casa de Festas, você dança, mexe o vestido, e ele está lá, dando as caras ! Você pode até escondê-lo do fotógrafo no making of, mas de resto … não dê atenção a este acessório e ele derrubará você, literalmente !! O conforto é o principal quesito, sempre, e ele deve aliar-se ao estilo e personalidade da sua produção. Entenda, e vamos conversar baixinho aqui para que os nossos namorados, ridos e maridos não nos ouçam … eu sou como vocês !!! Eu também já comprei uma sandália (ou sapato) deslumbrante que desde o momento em que você a coloca no pé sente machucar … e você compra mesmo assim !!!! Por que ?! Porque a gente PRECISA desfilar com ela ! rs Mas aqui falamos do seu casamento, e dor = cara de “Bela – a feia” nas fotos !!! Vai deixar ele derrubar seu dia de princesa ?!

Avalie:

1) Se ele a deixa confortável (caso necessário “amacie” o modelo no pé, semanas antes). O recomendável para isto é uma altura de 7,5 cm, e se a noiva desejar ficar mais alta, plataforma – uma pulseira no peito do pé ajudará a segurá-lo, já que a plataforma tira a flexibilidade do calçado.

Blog da Manu sapatos noivas

2) Se ele combina com o modelo do seu vestido (fechado, longo, curto, sexy, …) e com o SEU estilo principalmente – você estará VESTIDA de noiva e não “fantasiada” de ! Scarpins pedem vestidos mais tradicionais, peep toes são coringas e casam com looks românticos e modernos. Sandálias abertas são uma boa escolha para casamentos no verão e vestidos mais leves, e por aí vai !

Blog da Manu - Peep Toes & Scarpins

3) Caso opte por um modelo colorido, avalie se ele transitará igualmente elegante entre a cerimônia e a recepção, e evite combiná-lo com as cores do décor por exemplo. O ideal é que ele seja a peça fashion do seu look, então cuidado para não cometer exageros compondo-o com o bouquet, cor dos lábios, do esmalte, tudo ao mesmo tempo ! Se você é uma noiva clássica, não use cor “porque está na moda”. “A moda sai de moda, o estilo jamais” e você precisa se reconhecer (e admirar-se) daqui a muitos anos nas suas fotos e no seu vídeo !

Blog da Manu sapatos coloridos para noivas

4) Equilíbrio é fundamental ! Vestidos com muitos detalhes, bordados, aplicações e relevo pedem calçados mais clean, sóbrios, sem muita interferência. Excessos permitidos para o evento – por Manu Gonçalez Cerimonialista: beijos, carinhos, romance, emoção … e bem casados !! rs

Blog da Manu sapatos simples

5) Casamentos na praia ou no campo sempre suscitam dúvidas. Se você optou por este cenário e não suporta a idéia de rasteiras, sapatilhas ou sapatos flat, se permita no máximo 3 (três) centímetros a mais de altura e evite acidentes !

Blog da Manu calçados rasteiros

Os sapatos podem até não ser o protagonista do seu dia de sonho, mas, permita-me uma sugestão: ajuste-os a sua caminhada e permita que eles brilhem com você rumo ao altar !

Moda e casamento: maxi colares para o look noiva

Há quem defenda a idéia de que casamentos não seguem moda. Que eles possuem um conceito atemporal e que as inovações vistas em décor e alguns protocolos não conseguirão atingir o quesito vestuário –  a unânime preferência por looks mais clássicos e tradicionais. Talvez. Começo a perceber uma crescente inquietação por parte das noivas em desfilar modelos personalizados, modernos e que sejam uma extensão do estilo das mesmas no seu dia a dia.

Noivas tatuadas que desejam valorizar as suas “marcas” com vestidos abertos, noivas baixinhas que não abrem mão dos curtos e um sapato estiloso pra combinar, noivas ousadas que abusam da sensualidade em transparências e costas nuas : noivas que não abrem mão da sua identidade pra serem noivas !

Eu já sou do tipo “noiva-menos-é-mais”. Cores sóbrias estão presentes na minha casa e no meu armário, nunca fui uma mulher de muitas cores. Não por insegurança de errar: gosto muito de azul, por exemplo. Mas preto e branco – esse extremo, sempre me encantou. E deixo para pontuá-los com os coloridos: uma bolsa para o look, um vaso para a casa.

blog manu gonçalez moda casamento colares 02

Essa semana fiz a minha mais nova aquisição colorida: um maxi colar verde esmeralda, para compor com todas essas peças clean que eu tenho. E comecei a refletir que apesar de terem surgido por aqui em 2010 somente de um ano pra cá ganharam espaço e forma no pescoço das mulheres. E eu que sempre fui fã das peças pequenas e delicadas, me rendi totalmente a exuberância deste acessório !

blog manu gonçalez moda casamento colares

E por que não trazê-los para o universo noiva ?! Se você (assim como eu) se identifica com vestidos sem excesso, e prefere o impacto de um detalhe ao acúmulo de informações no modelito para o grande dia deixe os maxi colares envolverem você ! O casamento pode até não seguir moda, mas isso não quer dizer que você não possa ter a moda no seu casamento …

Rabo de cavalo: a moda que não sai de moda

O rabo de cavalo foi usado pela primeira vez por Coco Chanel,  em uma corrida de cavalo em Longchamp, e acabou por afirmar a simplicidade e praticidade com que esta estilista sempre enxergou a moda.

Atualmente, na versão lateral e baixo (tendência nos desfiles de inverno 2012) tem feito cada vez mais sucesso – nas passarelas nacionais e internacionais e na nossa cabeça, reles mortais antenadas … rs  O penteado, na altura da nuca, pode ser preso na lateral sem nenhum adorno (mais indicado para as madrinhas e convidadas) ou também com algum detalhe: uma trança embutida, tiaras, headbands, flores naturais ou de tecido e fascinators (ótima opção para as noivas).

blog da manu - rabo de cavalo 04

Caso você mesma queira fazer em casa, deverá abusar da cera (e esquecer o gel !), tendo em vista um efeito bem certinho, sem nenhum fio “pulando” fora do lugar. Ou, caso tenha os fios um pouco mais grossos, a dica é misturar silicone na cera, a fim de não “pesar” o cabelo.

blog da manu - rabo de cavalo 02

A versatilidade deste penteado permitirá inúmeras variações, conforme o estilo que você decida adotar para o seu look: com os fios bem puxados (foto acima a esquerda), você terá um visual mais clássico. Já desfiado e dependendo do adorno, um visual mais moderno. Para as mulheres de rostos arredondados (como moi … rs) o mais indicado seria tentar “alongar ” a face usando-o juntamente com um topete.

O mais importante é que você terá nas mãos uma opção romântica e atemporal para encantar e se deixar encantar !!

Algumas inspirações para madrinhas e convidadas …

blog da manu - rabo de cavalo 06

E outras para as noivas … espero que vocês se animem com esta tendência !

blog da manu - rabo de cavalo 05

Fascinators para as noivas modernas

Ontem conferi algumas das fotos da Royal Ascot Races 2013. Este evento, conhecido como a corrida de cavalos mais famosa do mundo, acontece todos os anos na Inglaterra, e reúne a aristocracia britânica há mais de 300 anos. Sempre me encantou pela prática dos piqueniques nos intervalos, que poderiam ser comuns por aqui, diante de tanta área verde, não ?

Mais do que um local de apostas ficou conhecido como um belo cenário para as mulheres desfilarem seus  chapéus e fascinators – todo adorno de cabelo feito de plumas, penas e pedrarias – tendência cada vez mais forte junto às noivas (aliados aos casquetes e voilettes).

Alguns dos meus modelos preferidos, usados nos últimos anos …

noivas modernas chapeus 01

Caso você seja daquelas noivas que gostam de surpreender (amo !), e pensa em usar um acessório de cabelo único e marcante não deixe de conhecer o trabalho da milliner brasileira Graciella Starling, considerada a nossa Philip Treacy pela Revista Vogue Noivas.

Millinery é a tradição de fazer chapéus e ornamentos de cabeça à mão, e por aqui esta desginer  é uma das principais representantes. Foi ela também que nos apresentou a prática das penas desplumadas – penas que têm suas plumas retiradas e por isso ficam leves e transparentes.

De acordo com ela, “as peças são mais indicadas para o dia, para casamentos que comecem e terminem até às 18 h. Mas, como é uma tendência, já é possível combinar os enfeites com os vestidos usados à noite, em especial os menos volumosos.”

Como parcimônia é sempre bem-vinda, opte por vestidos de noiva discretos, complete com belas jóias e encante os seus convidados com a alta chapelaria !

Fiz uma seleção de chorar de emoção pra vocês, porque para estes modelos, eu literalmente tiro o meu chapéu …

noivas modernas chapeus 04

Vestido de noiva colorido: sim ou não ?

O vestido branco já era parte do vestuário das noivas na Antiguidade. Todavia, com a chegada dos tecidos suntuosos vindos do Oriente, em meados do século 10, as noivas passaram a se vestir com cores fortes, como o vermelho.

Em 1840, com o casamento da rainha Vitória da Inglaterra, o branco – ícone de pureza e castidade voltou a dominar. Muitos defendem até que o surgimento dele deu-se neste momento, embora haja dúvida se esta idéia não surgiu somente pelo fato dela ter sido uma das primeiras nobres a se casar por amor, com vestido e véu brancos e sem coroa (fato este inédito para a época).

Isto porque o casamento, até aquele momento era visto como um arranjo comercial e o vestido da noiva servia somente para mostrar à sociedade que as famílias tinham posses.

O meu vestido de noiva foi off-white, que à época eu comentei em entrevista que era “o novo branco”. Esta cor fica indiscutivelmente melhor na foto, deixa o vestido mais classudo e sofisticado. Neste ano a única coisa colorida em vestido de noiva de que se ouvia falar eram as fitas com laço nos modelos da estilista Vera Wang, que pasmem, tinha como queridinho das noivas o de cor preta.

Atualmente ainda temos unanimidade no uso do vestido de noiva branco, todavia, com a abertura para o colorido através das unhas, brincos, lábios e principalmente dos sapatos das noivas, quem sabe daqui a um tempo o uso dessa cor não restará como rara opção para as muito clássicas e/ou com espírito “antiguinho” ?!

Sim, porque no quesito romance, que é a proposta da maioria das cerimônias, sejam elas no campo ou na igreja, os coloridos não deixam nada a desejar, ou deixam ?!

vestidos de casamento coloridos 01- Vera Wang | Elie Saab | Elie Saab | Elie Saab -

vestidos de casamento coloridos 02- Vera Wang | Elie Saab | Vera Wang | Vera Wang -

vestidos de casamento coloridos 03- Vera Wang | Vera Wang | Elie Saab | Oscar de la Renta -

Lucas Anderi

Lucas Anderi

Será que é porque ele nasceu no Líbano, a mesma “terra” que lançou os renomados Elie Saab e Zuhair Murad que eu tanto admiro, que a gente só ouve falar nele ?! Ou por causa mesmo do ousado vestido de noiva mullet da novela ? A verdade é: ele usa e abusa da tendência do momento que é a transparência. Quantos estilistas conseguem isso sem esbarrar na linha tênue com a vulgaridade ?

Lembra do vestido da apresentadora Eliana, um Walter Rodrigues (veja foto) que ela usou para casar com o também apresentador Edu Guedes ? À época esses itens (transparência + renda) não foram tão bem recebidos quanto os modelos de Lucas Anderi – prova de que ele aperfeiçoou esta dobradinha, ou até um indício de que as noivas estão realmente mais abertas para o “diferente”.

O estilista chegou ao Brasil em 1997 e cursou comércio exterior por aqui. Há 14 anos neste ramo de noivas, ele controlou a franquia francesa Cymbeline, aquela, do meu vestido de noiva … hum … será por isso então na verdade que eu gosto dele ?! rs Prova desta similaridade e “toque” são os materiais mais utilizados em seus modelos: renda, tule e tafetá de seda pura.

No modelo abaixo, denominado “Anjum” da coleção Dance Floor 2013 vemos a similaridade com o conceito da marca Cymbeline.

Lucas Anderi vestido flores largeLucas Anderi . Anjum Dance Floor 2013 Cymbeline

Mas estou apaixonada mesmo é por este modelo com flores cor-de-rosa, que virá na sua próxima coleção “Lebanese”. Diante da foto abaixo, imagina como será linda esta coleção ??!!!

Anjum Dance Floor 2013 CymbelineLucas Anderi . Vestido Flores

“Dance Floor” optou pelo conforto como tema. Assim, a noiva poderia dançar a noite inteira em sua festa de casamento sem sentir o “peso” do vestido.  Selecionei meus modelos preferidos para você se inspirar e começar a sonhar … e aí, ele merece ou não ser sucesso ?!

colecao dance floor luca sanderi